Todos sabem quais objetos são difíceis e quais não são.

É simplesmente algo que as pessoas sabem, mas em que não pensam muito.

Portanto, se perguntarmos a qualquer uma dessas pessoas como chegaram a essa dedução, talvez elas precisem pensar um pouco.

Dureza, para aqueles que estão se perguntando, refere-se à capacidade variável de um determinado objeto ou material de resistir à indentação quando uma força é aplicada a ele.

A dureza de um objeto deve ser classificada como uma feição ou característica em vez de uma de suas propriedades e a dureza é geralmente medida pelo cálculo da área permanente da indentação causada por uma carga fixa.

Os testes Hardwell e Brinell são dois métodos específicos para medir a dureza.

[ux_custom_products cat = ”brinell-hardness-tester” products = ”” colunas = ”4 ″]

Teste Brinell

Entre os testes de dureza padronizados, o método de teste de dureza Brinell foi o primeiro teste amplamente usado.

Geralmente é usado para medir a dureza de materiais metálicos com uma preferência específica dada a materiais ásperos.

Também pode ser o caso de o material ser simplesmente inadequado para passar por outros testes, deixando o teste de Brinell como o único método de determinação da dureza.

O ferro fundido é um material que requer o teste Brinell, pois exige um penetrador relativamente grande (como os usados nos testes Brinell, por exemplo, bola de carboneto).

O teste Brinell, no entanto, não é adequado para materiais que endureceram muito, sendo o aço endurecido um dos exemplos óbvios.

Além disso, este método também passa a ser bastante lento em comparação com outros testes e tende a fazer impressões irreparáveis no objeto ou material metálico.

 

Teste Rockwell

O teste Rockwell é o mais fácil dos dois métodos e tende a ser mais preciso.

Ele pode ser utilizado para testar metais de todos os tipos, incluindo metais duros (ao contrário dos testes Brinell), exceto em circunstâncias em que fatores externos desempenham um papel na prevenção.

Também é o teste mais comumente usado.

O teste Rockwell usa etapas específicas para medir a dureza.

Ao contrário do teste Brinell, ele usa um penetrador menor, como um diamante.

Este penetrador é usado para aplicar uma carga menor (carga / força aumentada é aplicada posteriormente) de modo a evitar a quebra da superfície do material.

Desta forma, prova ser um método menos destrutivo em comparação com o Teste Brinell.

 

pt_PTPortuguês